Barra Mansa participa de Dia D contra febre amarela

A secretaria de Saúde de Barra Mansa promove no próximo sábado (dia 27), o Dia D de vacinação contra a febre amarela. A campanha organizada pela Secretaria de Estado de Saúde tem como objetivo chamar a atenção da população para a importância de se imunizar contra a doença. Todos os 92 municípios do Rio vão participar. Em Barra Mansa, a vacina será disponibilizada em todas as 49 Unidades Básicas de Saúde das 8 às 17h.

É muito importante que as pessoas levem o cartão de vacina para que seja feito a atualização. Quem não tiver, deve levar um documento de identidade. A vacina é destinada para pessoas acima de nove meses de idade até 59 anos. Os moradores acima de 60 anos devem passar por avaliação de um profissional de saúde. As mulheres que estão amamentando bebês menores de seis meses deverão suspender a amamentação por 10 dias após receber a vacina. Mulheres amamentando bebês maiores de seis meses podem tomar a vacina.

De acordo com a coordenadora do Setor de Imunização da Secretaria de Saúde, Marlene Fialho, o Dia D será mais uma chance das pessoas que não puderam se vacinar durante a semana se proteger contra a febre amarela. “As pessoas que trabalham durante o dia ou não tiveram tempo de irem às unidades de saúde terão mais uma oportunidade de se vacinar nesse sábado”, afirmou.

A meta da Secretaria de Saúde é imunizar 155 mil pessoas em Barra Mansa. Até terça-feira, dia 23, cerca de 118 mil pessoas já haviam sido vacinadas, ainda faltam aproximadamente 37 mil moradores. Para Marlene Fialho, esse fator pode influenciar na redução de tempo na fila. “Como a maioria da população já se vacinou, acreditamos que o tempo de espera na fila será bem menor, ainda mais que todos os postos estarão funcionando o dia todo”, destacou.

A coordenadora explicou que a vacina contra febre amarela não é indicada para alérgicos a algum componente da vacina e a ovos e derivados, pessoas que realizam terapias imunossupressoras, portadores de doenças autoimunes e HIV, transplantados de medula óssea, pacientes com histórico de doença do Timo e doenças neurológicas de natureza desmielinizante, pessoas com baixa imunidade e em tratamento de quimioterapia e radioterapia. “A recomendação é que evitem viajar para áreas de risco que tenham casos comprovados de febre amarela ou que possuem muitas matas e florestas, e que não se esqueçam de sempre usar repelentes”, finalizou Marlene Fialho.

Volta Redonda recebe mais 50 mil doses de vacina contra febre amarela

Em uma semana de campanha antecipada contra a febre amarela, Volta Redonda contabiliza mais de 111 mil vacinas aplicadas. A continuidade do trabalho de intensificação está assegurada com a chegada de mais 50 mil doses da vacina nesta quarta-feira (dia 24). O reforço de vacinas, somadas às mais de 20 mil doses em estoque na sede da secretaria de Saúde de Volta Redonda, garantem o abastecimento de todas as 44 unidades da Atenção Básica, que disponibilizam a vacina de segunda à sexta-feira, das 8 às 17h. Ao todo, são mais de 70 mil doses plenas a disposição da população de Volta Redonda.

De acordo com a programação da secretaria de Saúde, no próximo sábado (dia 27), todas as Unidades Básicas de Saúde vão funcionar exclusivamente para a aplicação da vacina contra febre amarela. E a ação nos finais de semana continuam até o Dia D da campanha nacional em 24 de fevereiro. 

Todas as Unidades Básicas de Saúde e de Saúde da Família têm doses da vacina para imunizar a população. “Após uma semana de corrida às unidades de saúde atrás da vacina contra a febre amarela, o que vemos hoje é um movimento constante, mas sem a formação de filas”, comparou o secretario de Saúde de Volta Redonda, Alfredo Peixoto.

A diminuição da procura pode ser explicada pela quantidade de vacinas já aplicadas. “Somando as 111 mil doses aplicadas na primeira semana de intensificação da vacinação com as 40 mil contabilizadas em 2017, são mais de 151 mil pessoas imunizadas em Volta Redonda. Cerca de 67% da população alvo”, explicou o secretário.

O prefeito Samuca Silva (PODEMOS) comentou sobre a decisão de ter antecipado a campanha. “Foi uma decisão muito acertada essa de antecipar a campanha. Já estamos atingimos quase 70% da população alvo e vamos conseguir chegar aos 100%”, comentou o prefeito.

Quem deve ser vacinado

O público alvo da vacina é formado por pessoas de 9 meses de idade até os 59 anos. Os idosos, a partir dos 60 anos; os bebês entre seis e nove meses de idade; as gestantes; e os pacientes imuno deprimidos – em tratamento de câncer e contra o HIV, por exemplo, só serão vacinados munidos de documento com indicação médica.

Programação do funcionamento das unidades da Atenção Básica aos sábados:

Dia 27 de janeiro – Todas as unidades da Atenção Básica.

Dia 3 de fevereiro – Unidades Básicas da 249, São Lucas, Eucaliptal, Siderlândia, São Geraldo, Roma 1, Vila Rica Três Poços, Monte Castelo, Retiro II, Jd. Cidade do aço, Açude I, Verde Vale, Sto Agostinho, Candelária, Santa Cruz.

Dia 10 de fevereiro – Carnaval (não funcionarão)

Dia 17 de fevereiro – Unidades Básicas do São Carlos, Ponte Alta, Belmonte, São João, Vila Rica Tiradentes, Roma II, Três Poços FOA, Retiro I, Açude I, Coqueiros, Vila Brasília, Vila Americana, Nova Primavera, Dom Bosco.

Dia 24 de fevereiro – Todas as unidades

Deixe seu comentário

  • Expediente

    C M DE LIMA FILHO Jornais e Revistas
    Inscrição Municipal: 052727009 - CNPJ: 13018923/0001-12

    Rua Luiz Alves Pereira, nº 115, Sala 301 - Edifício Maria Yabrudi - Aterrado - VR/RJ
    Telefone: (24) 3338 8341
    E-mail: redacao@folhadoacovr.com.br

  • Editor Responsável
    Luiz Eduardo Passos

    Diagramação
    Bruna Viana

    Gráfica
    Diário do Vale

    Tiragem
    10.000 exemplares

    Distribuição
    Semanal

  • Comunicar erro