Renê analisa reta final do Flamengo no Brasileirão: Sabemos que não podemos vacilar

O Flamengo se reapresentou no Ninho do Urubu e iniciou a preparação para a partida diante do São Paulo no próximo domingo. Após o forte trabalho no Centro de Treinamento nesta terça-feira (dia 30) sob o comando de Dorival Júnior, o lateral-esquerdo Renê falou com a imprensa sobre a reta final do Campeonato Brasileiro e seu momento na equipe titular. "Sabemos que não podemos mais vacilar nesses últimos sete jogos. Ficou um pouco mais difícil chegar na primeira colocação depois desse empate contra o Palmeiras, mas já começamos a semana trabalhando forte”, analisou.

O lateral falou da evolução do time nas últimas rodadas. “Vamos trabalhar jogo a jogo. Não adianta pensar que vamos vencer o Botafogo se antes temos o São Paulo. Conseguimos três vitórias seguidas e infelizmente empatamos a última mesmo jogando melhor. Nossa equipe vem em uma crescente muito boa, agora é manter o foco e a concentração. Temos tudo para terminar esse ano comemorando”, completou.

Pensando no desempenho coletivo e individual, Renê exaltou a evolução em 2018. “Na nossa profissão, estamos evoluindo e crescendo a cada dia. Acredito que esse time ainda tem mais para dar. Estamos nos entregando muito nos últimos jogos, jogamos bem. Infelizmente tem dias que as coisas não acontecem como esperamos, mas seguimos trabalhando dia após dia para evoluirmos. Para mim, tem sido um bom ano. Apesar de não ter acabado, espero ainda melhorar até o fim do campeonato. Tive uma boa crescente do ano passado para cá, pois tinha sido um ano de adaptação. Eu sabia da dificuldade, em um clube da grandeza do Flamengo a gente briga diariamente pela posição. Procuro estar melhorando a cada dia, tive uma sequência boa esse ano e aproveitei as chances que me deram. Espero estar sempre ajudando individualmente e coletivamente. Quero que a gente conquiste o título, pois é isso que fica marcado”, disse.

Desde a chegada de Dorival Júnior, o Flamengo sofreu apenas um gol e conseguiu marcar em todos. Perguntado sobre isso, o camisa 6 falou sobre o desempenho coletivo. “Não é só um trabalho da defesa. O Dorival é um cara que cobra muito que os atacantes também marquem lá em cima. Estamos sofrendo menos lá atrás por conta dessa ajuda. Trabalhamos a linha defensiva com o auxiliar técnico, que está sempre nos orientando para melhorarmos. Precisamos acertar os pequenos erros que ainda acontecem. Isso tem nos ajudados e espero melhorar ainda mais esses números, pois não levar gol nos ajuda ainda mais a conquistar a vitória”, concluiu Renê.

O Rubro-Negro volta a campo no domingo (dia 4), às 17h, diante do São Paulo no Morumbi. Todos os ingressos já estão esgotados para a torcida do Flamengo.

 

Deixe seu comentário

  • Expediente

    C M DE LIMA FILHO Jornais e Revistas
    Inscrição Municipal: 052727009 - CNPJ: 13018923/0001-12

    Rua Luiz Alves Pereira, nº 115, Sala 301 - Edifício Maria Yabrudi - Aterrado - VR/RJ
    Telefone: (24) 3338 8341
    E-mail: redacao@folhadoacovr.com.br

  • Editor Responsável
    Luiz Eduardo Passos

    Diagramação
    Bruna Viana

    Gráfica
    Diário do Vale

    Tiragem
    10.000 exemplares

    Distribuição
    Semanal

  • Comunicar erro