Um sargento lotado no 38º Batalhão de Polícia Militar de Três Rios, identificado como Renato Onisio dos Santos, de 38 anos, morreu vítima de um disparo acidental de sua própria arma de fogo. O fato ocorreu no início da madrugada desta segunda-feira (dia 29), quando ele chegava na sede da unidade, na estrada União e Indústria, no bairro Boa União.

Segundo policiais que testemunharam o ocorrido, Renato retornava do plantão do Regime Adicional de Serviço (RAS). Ao desembarcar do banco do carona de uma viatura, ele deixou sua pistola calibre .40 cair no chão. O disparo ocorreu quando ele tentou pegá-la. O projétil atingiu a cabeça do sargento.

Ele foi socorrido pelo corpo de bombeiros e levado ao Hospital das Clínicas Nossa Senhora da Conceição, em Três Rios, mas não resistiu.

O corpo foi levado ao IML de Três Rios, para realização da perícia. A Polícia Militar apura as circunstâncias do acidente.

O sargento Renato dos Santos, que ingressou na corporação em 2006, deixa esposa e dois filhos. “Hoje perdemos um grande ser humano, excelente pai, amigo, um Policial Militar exemplar e muito querido por todos. Que Deus conforte o coração de seus amigos, familiares e todos seus irmãos de farda”, lamentou em nota o comando do 38º BPM.

Foto: Reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui