Subiu para 62 casos confirmados pela secretaria municipal de Saúde de pessoas infectadas pelo novo coronavírus em Volta Redonda. Segundo a administração municipal, 58% dos pacientes são mulheres e 42% homens. Os números atualizados foram divulgados na tarde deste domingo (dia 5), em transmissão ao vivo do prefeito Samuca Silva (PSC) pelas redes sociais.

De ontem para hoje são, dez novos pacientes testados positivo à Covid-19. De acordo com a prefeitura, nove são mulheres (de 31, 34, 37, 38, 39, 41, 51, 74 e 76 anos) e um homem (de 57 anos). 

A curva de crescimento de notificações em investigação também sofreu alteração, passando para 434 pacientes com sintomas gripais e que aguardam o resultado do Laboratório Central Noel Nutels (Lacen-RJ).

Por enquanto, três mortes pela doença já estão confirmadas na cidade. A secretaria municipal de Saúde também espera os exames de outras quatro pessoas que morreram (duas na UPA Santo Agostinho e duas no Hospital do Retiro) com suspeitas por coronavírus. Os resultados das contraprovas são aguardados para os próximos dias. 

Na transmissão deste domingo, Samuca voltou a reforçar a importância do isolamento social. “Fiquem em casa”, solicitou o prefeito em repetidos trechos da live. “O mesmo vírus que está em países como a Espanha, Itália e Estados Unidos, também está aqui no Brasil, está em Volta Redonda. Por isso, por favor, fiquem em casa, pois o vírus não escolhe idade para atacar”, pontuou.

O secretário de Saúde, Alfredo Peixoto, também lembrou da importância de a população redobrar a atenção com possíveis focos de dengue. Sobre a vacinação de combate à Influenza (H1N1), o chefe da pasta informou que 23 mil doses foram aplicadas, sendo três mil a domicílio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui