A prefeitura de Angra dos Reis, na Costa Verde, terá que fornecer alimentação a todos os estudantes da rede pública que tiveram aulas suspensas em virtude da pandemia da Covid-19. A decisão é da 26ª Câmara Cível da capital.

Após não ter sinalização do governo municipal da oferta da merenda escolar aos alunos sem aula, a Defensoria Pública ajuizou uma ação. 

De acordo com informação publicada neste domingo (dia 17) no blog do jornalista Ancelmo Gois, de O Globo, a desembargadora Sandra Santarém Cardinali ainda indicou multa de R$ 10 mil caso a decisão não seja cumprida.

Foto: Reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui