O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva (PSC) decretou, em medida assinada nesta quarta-feira (dia 25), um recesso no serviço público na segunda quinzena de dezembro, do dia 16 de dezembro a 1º de janeiro. Além disso, Samuca determinou que a partir da próxima segunda-feira (dia 30), o funcionalismo mantenha suas atividades no regime de home office, dependendo da natureza do trabalho. A medida exclui servidores que exerçam funções essenciais ao funcionamento da cidade, como Guardas Municipais e profissionais da saúde.

A medida, segundo Samuca, é justificada em virtude do aumento nas taxas de ocupação do Hospital Regional, que em nota, informou que conta com 68 pacientes em enfermarias, cerca de 45% do total disponível, e outros 62 pacientes em UTIs, o que representa um uso de 77,5% desse tipo de leito. O aumento no número de casos de Covid-19 no Médio Paraíba também motivou a decisão de Samuca.

O decreto ainda busca, de acordo com o prefeito, resguardar a saúde dos funcionários públicos, sobretudo aqueles pertencentes ao grupo de risco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui