Volta Redonda registou um acumulado de 28mm de chuva, entre 16h e 17h, nesta quinta-feira (dia 9). Os dados são da Coordenadoria de Prevenção e Defesa Civil de Volta Redonda. O esperado para toda essa quinta-feira era justamente 28 mm. Ou seja, em 30 minutos choveu o que era esperado para 24 horas.

Segundo o coordenador da Defesa Civil, Leandro Rezende, as equipes do órgão estão atuando por toda a cidade conferindo as áreas de risco.

“Não tivemos ocorrências graves em nossa cidade. A chuva foi forte por ter caído em um curto espaço de tempo. Não houveram chamadas de emergência na Defesa Civil, mas a equipe está percorrendo a cidade fazendo o monitoramento das áreas de risco” – completou o coordenador, ressaltando que o número de emergência da Defesa Civil é 199.

Diante das fortes chuvas, a cidade registrou pontos de alagamento no Retiro, Açude e Nova Esperança, além de um pequeno deslizamento de terra no bairro Belmonte, que não atingiu nenhuma residência. Equipes da Secretaria Municipal de Infraestrutura já está atuando para minimizar impactos nas localidades.

Segundo o prefeito Samuca Silva, a prefeitura segue avançando para resolver problemas de alagamento que ocorrem há décadas na cidade durante o período de fortes chuvas.

“Nos bairros Açude e Voldac, por exemplo, estamos apenas aguardando a liberação dos recursos do convênio com a Caixa Econômica Federal para realizar as obras, pois não temos recursos próprios suficientes. Estamos encarando os problemas de frente, é o caso do aumento da rede de água pluvial das ruas 23 e 24 no bairro Vila Rica, que resolveu o problema histórico de alagamento na localidade” – completou o prefeito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui