Os moradores do bairro Água Limpa viveram momentos de tensão e medo na noite desta quarta-feira (dia 26), com o intenso confronto armado entre policiais militares e suspeitos de tráfico, que terminou com um morto e dois presos, e com a apreensão de armas, munições e drogas. Os policiais relataram que estavam em patrulhamento e que foram atacados a tiros quando se aproximaram de três homens, na Rua Visconde do Rio Branco. Eles revidaram. 

Em áudios e vídeos, divulgados em redes sociais, o confronto que deixou os moradores em pânico foi registrado. No local, foi baleado Diogo Nonato Monção da Cruz, de 39 anos. Os policiais chegaram a acionar o Samu, mas, quando o socorro chegou, ele já estava morto.
Com Diogo, foram apreendidos uma pistola, quatro carregadores municiados e duas granadas.

Ainda no bairro, foi preso um homem identificado apenas como Caíque. Segundo a PM, ele estava armado com uma pistola e dois carregadores. 
Um terceiro suspeito fugiu no Ônix prata, placa GDT 8695. A Polícia Rodoviária Federal foi alertada e conseguiu interceptar o carro no posto policial da Via Dutra, em Floriano, distrito de Barra Mansa. 

O homem, que não teve a idade revelada, foi identificado como Vitor da Soledad Silva Costa. O Ônix, que foi apreendido, está com várias marcas de tiros, principalmente no vidro traseiro. No veículo, foram apreendidos um revólver, uma pistola e 44 munições, além de uma touca ninja e 28 pinos de cocaína. 

Chefe do tráfico

Segundo policiais militares envolvidos na ocorrência, Diogo Monção  da Cruz seria um dos chefes do tráfico no bairro Água Limpa. O corpo dele está no Instituto Médico Legal de Três Poços. Caíque foi conduzido para a 93ª DP e Vítor, que foi apresentado na delegacia de Barra Mansa, deve ser transferido ainda hoje para Volta Redonda.

Foto: Divulgação PM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui