Uma operação conjunta das polícias Civil e Militar, com servidores da Secretaria Municipal de Posturas, dispersou no final da tarde desta terça-feira (dia 01) cerca de 200 pessoas que estavam aglomeradas na Rua José Vieira Ramos, no Centro de Paraty.

De acordo com o delegado Marcelo Russo, elas foram reunidas com o chamado de um empresário local para a distribuição de cestas básicas. A dispersão foi feita por quatro policiais militares, dois civis e dois funcionários da secretaria. Segundo Russo, não houve resistência. Algumas pessoas já tinham recebido as cestas.

O nome do empresário não foi divulgado. Ele foi indiciado por infringir o artigo 268 do Código Penal, pois a reunião de pessoas infringiu a determinação do poder público municipal que visa a coibir a difusão do vírus Covid-19. As cestas básicas que não haviam sido distribuídas ficaram em poder do empresário.

Na opinião de Russo, se a intenção era ajudar as pessoas, o empresário poderia ter buscado outra forma, fazendo a doação, por exemplo, à Secretaria Municipal de Ação Social, em vez de promover aglomeração, contrariando as recomendações das autoridades de Saúde para conter o coronavírus. Foto: Polícia Civil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui