O policiar militar do 28º batalhão, Gladstone Pereira Lima, baleado na noite da terça-feira (dia 18), em Barra Mansa, permanece internado no Hospital São João Batista, em Volta Redonda. Ele deixou a emergência e está na enfermaria, sob escolta de policiais.

Gladstone, que é sargento da PM, foi vítima de tentativa de homicídio perto de sua casa, na Rua Francisco Ribeiro, no bairro Mangueira. No dia passado, a Polícia Militar esclareceu o caso. O PM foi atacado a tiros por dois homens numa motocicleta roubada, revidando aos disparos.

Ele foi atingido no tórax e no ombro, mas conseguiu também ferir a dupla. Um dos suspeitos, de 26 anos, que estava na carona da motocicleta, caiu na Rua Dom Pedro II, na Ponte Alta, já em Volta Redonda. Ele chegou a ser levado ao Hospital São João Batista, mas não resistiu aos ferimentos.

Atingido no braço, o outro suspeito recebeu atendimento no mesmo hospital e foi preso. Nas proximidades do local da troca de tiros, os policiais encontraram um carro suspeito de ter dado cobertura à dupla na moto.

No interior do veículo, foi apreendida uma pistola municiada. O condutor do carro foi preso com base no Estatuto do Desarmamento e a Polícia Civil de Barra Mansa, encarregada das investigações, apura se ele está envolvido no caso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui