A Polícia Civil de Resende prendeu, na noite deste domingo (dia 22), o proprietário de um bar localizado nas proximidades do ponto final de ônibus da Rua Tancredo Neves, no bairro Jardim Beira-Rio. O comerciante desrespeitou as medidas do decreto assinado pelo prefeito Diogo Balieiro (DEM), para evitar a proliferação do novo coronavírus. “Recebemos informações de que um bar estaria desobedecendo a medida sanitária editada pelo prefeito de Resende”, explicou à Folha do Aço o delegado Michel Floroschk.

O comerciante, de 31 anos, foi conduzido para prestar depoimento na sede da 89ª DP. De acordo com Floroschk, o homem será indiciado no artigo 268 do Código Penal, por infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa. Ele permaneceu preso. Em caso de condenação, a detenção é de um mês a um ano, e multa.  

Decretos 

Em comunicado oficial, publicado na sexta-feira (dia 20), a prefeitura de Resende anunciou novas medidas para combater e proteger a população do novo coronavírus. Desde a publicação, estão valendo determinações como o fechamento, por 15 dias, de templos religiosos, lojas de conveniência e do Mercado Popular do município, que fica próximo a Rodoviária Velha.

Desde sábado (dia 21), todos os comércios deverão ser completamente fechados, exceto restaurantes, postos de gasolina, farmácias, clínicas médicas, empresas de alimentação, supermercados e aqueles que operam no sistema de delivery.

No mesmo período, restaurantes, lanchonetes só poderão ficar abertos até às 18 horas, mas será permitido que as atividades se estendam para entrega ou retirada de produtos no próprio estabelecimento. Além disso, os que estejam dentro de hotéis e pousadas atenderão somente hóspedes.

As academias, centros de ginástica e estabelecimentos similares estão com atividades suspensas, bem como banhos em lagoas, rios e piscinas públicas. As medidas, no entanto, não serão aplicadas a supermercados, açougues e similares, farmácias e estabelecimentos de saúde (consultórios, clínicas, etc.) em geral.

O novo decreto prevê ainda que, a partir desta segunda-feira (dia 23) todas as barracas das feiras livres estejam suspensas.

Novas restrições

Neste domingo (dia 22), o prefeito Diogo Balieiro assinou um novo decreto. A iniciativa faz parte da declaração da Situação de Emergência em Saúde Pública no âmbito da cidade de Resende. 

A novidade desta vez, fica por conta do novo funcionamento de agências bancárias, casas lotéricas, supermercados e hotéis. Além disso, o decreto diz respeito ao regime de fiscalização e cumprimento das novas medidas por parte da população.

Nos bancos, por exemplo, estão suspensas as atividades prestadas por meio do atendimento presencial nas agências, com exceção, apenas, dos sistemas de autoatendimento (caixas eletrônicos) e redes de cartão de crédito e débito, incluído o desbloqueio e cadastramento de senha dos referidos cartões.

As determinações contidas no novo decreto vigorarão até o dia 15 de abril, podendo ser prorrogadas por meio de ato executivo.

Foto: Divulgação Polícia Civil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui