A Receita Federal do Brasil anunciou na noite desta quarta-feira (dia 1º), a prorrogação para 30 de junho do prazo final para a entrega das declarações do Imposto de Renda das pessoas físicas referentes ao ano-base de 2019.

O prazo anterior era 30 de abril. Segundo José Tostes, secretário especial da Receita Federal, a decisão foi tomada por causa das restrições à circulação necessária ao combate ao novo coronavírus, que causa a infecção respiratória covid-19. “As pessoas não estão conseguindo sair para pegar os documentos necessários”, disse Tostes em entrevista coletiva à imprensa em Brasília.

O secretário não informou como fica o calendário das restituições do imposto de renda, que começaria, com o primeiro lote, em maio. A autarquia espera receber 32 milhões de declarações neste ano.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui