A Câmara de Dirigentes Lojistas de Volta Redonda (CDL) doou quatro aparelhos de ar-condicionado a 93ª Delegacia de Polícia de Volta Redonda. A entrega foi no salão de eventos da entidade comercial, na manhã desta quarta-feira (dia 4), seguindo todas as medidas preventivas em vigor contra o coronavírus. A iniciativa visa estreitar ainda mais a relação entre as instituições.

No mês passado, já havia sido feita a doação de colchões para a Polícia Militar. O vice-presidente da CDL-VR, Leonardo de Almeida, falou sobre como é importante apoiar os órgãos de segurança pública, neste momento em que o país passa por momentos difíceis com a pandemia da Covid-19.

“Acreditamos que o Poder Público precisa fazer a parte dele para manter a cidade segura, mas, enquanto uma entidade que preza pela qualidade de vida da população e dos nossos associados, exercemos a nossa responsabilidade social, buscando sempre ajudar quando possível o dia a dia daqueles que cuidam da segurança”, comentou. Ele lembrou que no mês passado, foram doados colchões para o dormitório dos policiais militares.

“Achamos importante melhorar a estrutura também da delegacia, porque os policiais civis passam dias e noites neste ambiente para atender à população. Estamos indo além do nosso dever, ampliando essa parceria, porque acreditamos que, com uma qualidade melhor de trabalho, esses policiais vão conseguir desenvolver melhor também a sua função”, comentou.

O delegado Edezio Ramos Júnior agradeceu à diretoria da CDL-VR pela doação e complementou falando sobre o fortalecimento do elo entra as organizações. “Essa parceria é muito importante e quem ganha mais é a população. A partir do momento em que essas doações são feitas, otimiza e melhora o trabalho na unidade policial e melhora o atendimento ofertado aos munícipes de Volta Redonda. Esses aparelhos de ar-condicionado serão muito úteis. E afirmo que essa doação veio em muito boa hora”, disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui