A violência em Angra dos Reis, na Costa Verde, fez mais uma vítima na madrugada de sexta-feira (dia 8). Walisson de Oliveira, de 27 anos, capotou com o carro e morreu quando tentava fugir dos tiros disparados durante tentativa de assalto a agência do Banco do Brasil, no Centro da cidade. Um Policial Militar foi baleado. Os criminosos conseguiram escapar pelo mar em uma embarcação que os esperava no cais.


O confronto foi registrado por volta das 4h. O Disque Denúncia recebeu informações de que havia um grupo de criminosos armados tentando invadir a agência bancária. Chegando ao local, os policiais foram recebidos a tiros pelos assaltantes e revidaram. O confronto entre os integrantes da quadrilha e policiais aconteceu na Rua do Comércio.


Quatro caixas eletrônicos chegaram a ser explodidos. O policial do 33º Batalhão foi atingido no pé, sendo socorrido no Hospital Geral da Japuíba, onde foi atendido e liberado. Já Walisson de Oliveira que dirigia o carro do patrão, dono de uma funerária de Angra, foi atingido por um tiro na cabeça, o que fez perder a direção do veículo, na Avenida Julio Maria. No interior da agência bancária, policiais encontraram explosivos. O Esquadrão Antibombas da Polícia Civil foi acionado.


Walisson era morador do distrito de Arrozal, em Piraí, e filho do técnico de som Martinho Oliveira. O corpo dele será sepultado neste sábado (dia 9) no cemitério municipal de Pinheiral. Até o fechamento desta edição a família não tinha definido o horário do enterro.

Foto: Reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui