Na primeira forte chuva do verão, as obras de ampliação da rede de drenagem pluvial no Conjunto Vila Rica passaram no teste. As obras realizadas pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Volta Redonda (Saae-VR) tiveram o objetivo de evitar alagamentos entre as ruas 23 e 24 do bairro, que alagavam há mais de 10 anos.

O prefeito Samuca Silva (PSDB) frisou que o investimento foi elevado e as intervenções duraram quase cinco meses.

“Nós refizemos a galeria de 96 metros de extensão com 23 metros de manilhas de 2,5 m por 1,5 m e 73 metros de tubo de 2 metros. O objetivo era aumentar a vazão e evitar alagamentos nas casas dos moradores. O objetivo foi alcançando. Mesmo com dívidas, estamos conseguindo avançar. A chuva de hoje mostrou que nossa obra foi de qualidade” disse Samuca.

Inundações

A forte chuva que caiu no final da tarde desta segunda-feira provocou inundações em outros pontos da cidade, como nos bairros Açude e Voldac.

O prefeito Samuca explicou que as obras de drenagem dos dois pontos já estão com projetos prontos para serem executados, esperando apenas liberação de recursos.

“Essas obras estão nos projetos aprovados pela Caixa Econômica Federal dentro convênio que tem valor total de R$ 80 milhões. Infelizmente a Caixa nos informou que não haveria recursos para serem liberados esse ano. Esperamos que ano que vem esses recursos cheguem a cidade para iniciarmos as obras”, explicou. “Já determinei nossa equipe andar pela cidade para ver pontos que necessitam de ação imediata. Açude e Voldac o governo federa ficou de enviar os recurso em 2020”, completou Samuca.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui