Em reunião entre representantes do DER (Departamento de Estradas e Rodagens) e membros da Defesa Civil de Rio Claro e Angra dos Reis, ficou decretado que, pelo menos por enquanto, a RJ-155 não será totalmente interditada, por conta do deslizamento de uma das faixas no km 18 da rodovia. A reunião ocorreu na manhã desta terça-feira (dia 3), no próprio trecho afetado, onde peritos o inspecionaram.

Na manhã de ontem (dia 2) O DER estava trabalhando com a possibilidade de interdição da pista, devido ao aumento na erosão e às rachaduras na faixa que estava intacta. A rodovia é muito utilizada por ônibus que fazem a linha Angra dos Reis-Barra Mansa.

No trecho, o trânsito está sendo feito pelo acostamento. Placas de sinalização foram instaladas, e os motoristas foram alertados sobre os desvios para as margens da pista.

Peritos ainda tomaram medidas paliativas até que seja possível realizar algum tipo de obra na rodovia. Uma mureta de contenção será construída em torno da área afetada. Além disso, uma lona será colocada a fim de cobrir a terra e evitar que ela fique mais encharcada.

Mesmo com as metidas, a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), recomendou que se evite passar pela rodovia, sobre tudo no período do início da manhã e da noite, quando é comum a incidência de neblina no local, até mesmo no verão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui