O delegado Wellington Vieira, da 93ª DP, participou de reunião na segunda-feira (dia 23) com representantes da Guarda Municipal, das secretarias de Fazenda e Saúde, além da da Procuradoria-Geral do Município, Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Núcleo de Volta Redonda e da Polícia Militar. O encontro teve como objetivo decidir medidas a serem adotadas para o cumprimento do isolamento social durante a pandemia de Covid-19.

De acordo com o delegado, a Polícia Civil servirá à população nesta situação, ajudando a fiscalizar os estabelecimentos e pessoas que não cumprirem as medidas do decreto municipal. “Se necessário, aplicaremos medidas penais nas pessoas que não cumprirem a ordem expressa de isolamento e, também, naqueles que abrirem seus estabelecimentos que não estão devidamente autorizados na decisão municipal,” afirmou Wellington Vieira, que ainda reiterou que a Polícia Civil continua trabalhando, por meio de serviços online, e com plantões para casos mais graves.

7 COMENTÁRIOS

  1. EU VOU SAIR SIM. TENHO DINHEIRO, TENHO NECESSIDADE DE NOS ALIMENTAR, MORO SÓ COM MINHA MÃE DE 95 ANOS E TENHO DE COLOCAR COMIDA DENTRO DE CASA. ALGUÉM VAI FAZER POR MIM, COMPRAR, PAGAR E ENTREGAR EM CASA? PARA DE BABAQUICE, VÃO SUBIR MORRO PRA PRENDER TRAFICANTES AO INVÉS DE FICAR COM ESSA PALHAÇADA, SUBAM LÁ, QUERO VER SE TEM PEITO PRA ISSO.

  2. Isso é viver numa ditadura. O que o governo do estado e estes prefeitos estão fazendo é oprimir a população. Eu farei campanha eterna contra o Samuca. Ele destruiu a cidade. Ditador de araque.

  3. Que absurdo! Vamos sair todos. Ninguém pode nos prender por ir e vir. Já basta nosso prefeito dando multas e caçando o alvará dos comerciantes que não aderirem a quarentena. Chega de balela senhor Samuca. Vc está acabando com a liberdade das pessoas. Ontem fui censurada pela primeira vez no Facebook por falar de política.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui