Neste domingo (dia 26), a Prefeitura de Barra Mansa iniciou os testes rápidos para identificação da doença em pacientes que estão em isolamento domiciliar. Equipes da Secretaria de Saúde foram em 14 residências, onde apenas cinco pessoas suspeitas estavam em suas casas. Todos passaram pelo procedimento e testaram negativo para a doença. Hoje, o município conta com 38 casos de pessoas contaminadas pelos Covid-19 e 59 sob suspeita.     

O exame está sendo realizado a partir de um protocolo de atendimento, somente em pessoas com sintomas e evidencias do Covid-19, devido à baixa quantidade de testes rápidos em estoque.

O prefeito de Barra Mansa, Rodrigo Drable (DEM), explicou que a aquisição do equipamento permitirá um resultado com maior rapidez. “É obvio que os testes realizados pelo Laboratório Central (Lacen) têm uma confiabilidade maior do que o teste rápido, mas o procedimento permite a liberação daqueles profissionais da saúde que estão em isolamento por 14 dias em função de estarem sob suspeita da doença. Nós temos 24 pessoas em isolamento domiciliar. Desse número, conseguimos fazer 14 visitas e apenas cinco estavam em casa”.

Sobre essas pessoas que não estão cumprindo o isolamento domiciliar, mesmo tendo recebido orientação da Saúde, Drable desabafou. “Isso é algo que não conseguimos controlar. Tenho repetido a frase: ‘É preciso ficar em casa e respeitar a sociedade’, mas o respeito vem de cada um”, avaliou.

Desde o momento em que a prefeitura identificou o primeiro caso confirmado no município, foi iniciado um protocolo de atendimento para que Barra Mansa não se tornasse vulnerável à contaminação. “A partir desse protocolo, criamos áreas de isolamento para que não houvesse contaminação nos hospitais, normas de visitas, elaboração do Centro de Triagem do Covid-19, aquisição de Equipamento de Proteção Individual (EPI), entre outros. Com isso, temos conseguido controlar os números positivos e com o teste rápido conseguiremos dirimir a suspeição de alguns pacientes”, comemorou. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui