A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) suspendeu para o mês de maio a recarga do vale transporte dos funcionários. A decisão da empresa está sendo comunicada aos trabalhadores de forma verbal desde as primeiras horas desta terça-feira (dia 28). Procurada, a CSN não se pronunciou sobre o assunto.

A Folha do Aço apurou que a Siderúrgica irá depositar o valor referente às passagens de ônibus levando em consideração os dias trabalhados. Mensalmente é descontado entre 6% e 7% do salário do funcionário que solicita o vale transporte, conforme o rendimento mensal, e a empresa complementa o restante.

O Sindicato dos Metalúrgicos pretende agendar uma reunião com a CSN para discutir o assunto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui