Seguindo recomendação do Ministério Público estadual, a delegacia de Sapucaia, cidade do Médio Paraíba na divisa com Minas Gerais, instaurou inquérito para apurar denúncia de que um jovem que testou positivo para coronavírus participou de um churrasco no último sábado (dia 11). Segundo o delegado André Lourenço, o investigado é morador de outra cidade, que não foi divulgada, e viajou à Sapucaia somente para participar da confraternização, onde estavam também três profissionais da secretaria municipal de Saúde.

O delegado revelou que o paciente estava com recomendação de se manter em isolamento. A secretaria de Saúde, por sua vez, informou que as funcionárias foram afastadas e abriu sindicância para apurar os fatos.

As servidoras e o jovem poderão responder pelo crime de “infringir determinação do poder público destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa”. A pena prevê detenção de um mês a um ano e multa, mas pode ser elevada em um terço em se tratando de funcionário da saúde.

Foto: Reprodução/Internet

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui