A Secretaria de Saúde de Barra Mansa iniciou nesta terça-feira (dia 9), a vacinação em idosos acamados, com idade acima de 60 anos. O serviço está sendo realizado pelas equipes do Serviço de Atenção Domiciliar (SAD), em rotas já pré-definidas pelo órgão.

Maria dos Santos Fidelis, 80 anos, portadora de Alzheimer e acamada a mais de cinco anos após quebrar o fêmur, recebeu a primeira dose da Coronavac em casa. O filho da paciente, Valter Santos Fidélis e sua esposa Iandersi Darc, acompanharam a imunização.

Emocionada, Iandersi, que assumiu a função de cuidadora da idosa há cerca de dois anos, comentou sobre o serviço. “Desde o início da pandemia mudamos completamente nossa rotina para preservar a vida da minha sogra e a nossa também. Para se ter ideia, dos cinco filhos que ela teve, dois tiveram a doença, fazendo com que a gente redobrasse os cuidados e principalmente, mantivesse o distanciamento social. A oportunidade da vacina representa a esperança que pessoas do mundo inteiro aguardam”, disse.

Valter Santos destacou que a vacinação é a chance para que as pessoas retomem a normalidade. “Fomos informados pela Secretaria de Saúde na segunda-feira (dia 8) sobre a vacinação. Ficamos tão ansiosos que nem dormimos direito. Agora, é aguardar pela segunda dose e continuar com as medidas de prevenção à doença”.

Segundo informações da Secretaria de Saúde, o município tem cadastrado no SAD 186 famílias, com idosos a partir dos 60 anos e acamados. A perspectiva é ministrar a primeira dose da vacina em todos eles, no máximo, até meados de março. A dose complementar será dada entre o 21º e o 28º, após a aplicação da primeira dose. Foto: Felipe Vieira/PMBM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui