Morreu na noite de segunda-feira (dia 1º), Munira Francisco, conhecida como Dona Munira (na foto), mãe do ex-prefeito Antônio Francisco Neto (MDB). Ela estava internada no Hospital das Clínicas, em Volta Redonda, e morreu de insuficiência renal. O corpo foi velado e sepultado no Portal da Saudade.

Dona Munira nasceu na Síria, no dia 8 de maio de 1928. Era viúva de “seu” Nadim, um filho de sírio nascido em São João Del Rei, em Minas Gerais. Com pouco mais de 20 anos, ela conheceu o companheiro numa viagem que a família dele fez à Síria. Lá, eles se casaram e mudaram para o Brasil, no início da década de 50.

Já na Cidade do Aço, nasceram os filhos: Marco Antônio, Valéria, Antônio Francisco e Munir. A prefeitura de Volta Redonda decretou luto de três dias pela morte de dona Munira.

Nomeação

A edição de sexta-feira (dia 5) do Diário Oficial da União (DOU) publicou a nomeação do advogado Carlos Mário Velloso Filho para ocupar o cargo de ministro substituto do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) representando a classe dos juristas. Assinada pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), a nomeação visa o preenchimento da vaga deixada pelo ministro Sérgio Banhos ao se tornar ministro efetivo em abril deste ano.

Trajetória

Carlos Mário Velloso Filho é formado em Direito pela Universidade de Brasília (UnB) e já atuou como conselheiro federal da OAB 1995/1998 e como vice-presidente da OAB/ DF (2001-2003). Atualmente integra o Conselho Superior do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB) e o Conselho Curador do Instituto Victor Nunes Leal (IVNL). Também é autor de diversas publicações e é palestrante regular em temas relacionados com a prática do Direito perante Tribunais Superiores brasileiros.

Composição

O Tribunal Superior Eleitoral é composto por, no mínimo, sete ministros titulares, sendo que três ministros efetivos são provenientes do Supremo Tribunal Federal, dois são do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e dois são da classe dos advogados. Cada um desses últimos nomeados pelo presidente da República a partir de lista tríplice elaborada e encaminhada pelo STF.

Capacitação

Um grupo de guardas municipais de Volta Redonda passou por capacitação na última semana (dias 4 e 5), na sala de treinamento da Fevre. As aulas foram ministradas pela diretora de Qualificação e Treinamento, Cléia Camilo, e a professora Mariana Carneiro. Nesta primeira turma que participou do Workshop Liderança estavam 16 guardas com 11 até 30 anos na corporação. Foram três horas e meia de curso para cada turma. Ao final do curso, serão capacitados 32 GMs. Todos serão certificados.

Óculos

A Ótica Municipal Padre Ernesto Moreira Lamim, localizada no Estádio Raulino de Oliveira, tem disponibilizado mais de 900 óculos por mês. O serviço é exclusivo para os pacientes do SUS e cerca de 80 atendimentos são realizados diariamente, incluindo as pessoas que vão solicitar os óculos.

Atendimento

O espaço oferta óculos gratuitos a alunos da rede pública até o ensino médio, aposentados, pensionistas, pessoas com deficiência, idosos acima de 60 anos, além de beneficiários de auxílio-doença. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h30min. No ano passado, a Ótica Municipal produziu quatro mil óculos e atendeu 3,3 mil pacientes. Foram realizados ainda 1.172 consertos de óculos.

Dagaz

O Livro “A Cozinha dos Quilombos, Sabores, Territórios e Memórias”, publicação do Instituto Dagaz, está concorrendo ao prêmio The Gourmand Awards 2019, considerado o Oscar da gastronomia. Estão participando 215 países e o Instituto representa o Brasil. A Cerimônia de entrega aos vencedores começou na sexta (dia 5) e vai até domingo (dia 7) em Macau, na China.

Recuperação

A Estrada-Parque (RJ-163) passará pela tão esperada obra de contenção de encostas e de recuperação do sistema de drenagem. Na quarta-feira (dia 3), foi publicado no Diário Oficial do Estado o aviso de licitação para a execução no trecho entre a Capelinha e Visconde de Mauá (entre os quilômetros 15,9 e 19,5).

Licitação

A licitação está marcada para o dia 6 de agosto. O valor da obra está orçado em R$ 9,8 milhões, com prazo de conclusão dos serviços em 360 dias. Inaugurada no início de 2012, a Estrada-Parque possui 28 km de extensão e liga Penedo a região serrana de Mauá.

Mutirão

Equipes da secretaria de Infraestrutura de Volta Redonda, com cerca de 130 pessoas, atuaram durante a semana num dos principais centros comerciais da cidade, a Vila Santa Cecília. O mutirão de revitalização do bairro conta com serviços gerais e envolve diversos órgãos do município. O objetivo é melhorar a iluminação, a mobilidade para o público em geral, a segurança e o conforto da população que circula pela região da Vila.

Segurança

A segurança pública foi debatida, na quinta-feira (dia 4), em encontro entre o prefeito de Barra Mansa, Rodrigo Drable (PSC), e a comandante do 28º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Luciana Rodrigues. A reunião também serviu para esclarecer informações que circulam nas redes sociais em relação ao aumento de violência no município.

Eleitoral

No entendimento de Drable, a divulgação dessas matérias aparentemente tem de cunho político eleitoral, com a finalidade de denegrir a imagem do município afetando diretamente a PM e a gestão municipal. “Isso nos deixa alerta. Nós temos feito um esforço em conjunto com as Polícias Civil e Militar e a Guarda Municipal para fazer a maior cobertura da segurança na cidade, enfrentando de forma mais consistente as ações criminosas”, frisou.

Fake

A comandante do 28° BPM explicou que há duas semanas, o batalhão tem recebido informalmente, através de mensagens em rede social, relatos de possíveis ataques em escolas e, até mesmo na delegacia e Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) do município. “Internamente temos mobilizado equipes para ir até os locais, porém isso nos desgasta, pois nenhuma denúncia foi concretizada. Como autoridade de segurança, vamos em busca de uma resposta para a população a fim de evitar qualquer ação criminosa”, explicou.

Investigação

Em relação a boatos espalhados sobre a segurança pública, a tenente-coronel Luciana disse que quando identificado a ‘Fake News’, a equipe especializada da Polícia Civil começa uma investigação, com objetivo de descobrir a origem da mensagem a fim de tomar as providências necessárias. “As pessoas têm que entender que isso é um crime e quem compartilha algo que pode gerar pânico e deslocamento desnecessário, é conivente neste processo. Hoje, as pessoas acham que por estarem por atrás de um computador ou celular estão invisíveis, mas a verdade não é bem assim”, alertou a oficial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui